Sábado, 27 de Novembro de 2021
(63) 98106-4401
Dólar comercial R$ 5,6 0%
Euro R$ 6,35 0%
Peso Argentino R$ 0,06 -0.002%
Bitcoin R$ 327.352,32 +1.397%
Bovespa 102.281,82 pontos -3.34%
Economia Economia

Empresas que compõem o Ibovespa perdem R$ 284 bilhões desde o anúncio do Auxílio Brasil de R$ 400

Real é a terceira moeda com pior desempenho. Bolsa cai e fecha na casa dos 107 mil pontos.

24/10/2021 18h54
31
Por: Redação Fonte: 18horas.com.br
Empresas que compõem o Ibovespa perdem R$ 284 bilhões desde o anúncio do Auxílio Brasil de R$ 400

Após meses de volatilidade no câmbio e na Bolsa na esteira dos riscos fiscais do país, o mercado derreteu nesta quinta-feira,21/10, conforme o rombo no teto de gastos se torna cada vez mais uma realidade. As empresas que compõem o Ibovespa acumularam perdas de R$ 284 bilhões em valor de mercado desde o anúncio do Auxílio Brasil de R$ 400 pelo presidente Jair Bolsonaro, na última terça-feira.

O Ibovespa fechou em queda de 2,75%, aos 107.735 pontos, um dia depois de o ministro Paulo Guedes confirmar que parte do Auxílio Brasil, programa que vai beneficiar o Bolsa Família, será paga fora do teto de gastos.

O dólar comercial encerrou o dia em alta de 1,92%, cotado a R$ 5,6651, depois de ter atingido o patamar de R$ 5,68 durante a tarde.

A moeda não tinha uma cotação de fechamento acima dos R$ 5,60 desde o dia 15 de abril quando atingiu a casa dos R$ 5,6241.

Declarações do presidente Jair Bolsonaro sobre o pagamento de uma “ajuda” aos caminhoneiros como compensação pelos reajustes recentes no preço do diesel e as negociações para a revisão do teto também intensificaram o clima pesado nos mercados.

Em seus piores momentos no dia, a Bolsa chegou a cair mais de 4%. O índice não fecha abaixo dos 110 mil pontos desde o dia 20 de setembro, quando ficou em 108.844 pontos.

— Hoje é um aprofundamento do que já vínhamos vivendo há alguns meses. Perdeu-se o tato da âncora fiscal, que é o teto de gastos. A fala do ministro Paulo Guedes, ontem, que foi entendida como uma licença para gastar, somou-se à deterioração do risco macroeconômico, afirma Matheus Spiess, analista da Empiricus.

Ele complementa:

— O mercado havia precificado várias reformas e uma melhora da inflação e da arrecadação no segundo semestre, e nada disso ocorreu. As declarações do presidente Jair Bolsonaro sobre os caminhoneiros ajudaram a piorar a situação.

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Palmas - TO
Atualizado às 14h46 - Fonte: Climatempo
32°
Nuvens esparsas

Mín. 22° Máx. 33°

36° Sensação
13 km/h Vento
59% Umidade do ar
80% (15mm) Chance de chuva
Amanhã (28/11)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 23° Máx. 32°

Sol, pancadas de chuva e trovoadas.
Segunda (29/11)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 23° Máx. 29°

Sol com muitas nuvens e chuva