Segunda, 25 de Outubro de 2021
(63) 98106-4401
Geral Geral

Crise de energia na China tem risco de apagão e pode gerar escassez de produtos globais

Crise de energia

29/09/2021 23h07
53
Por: Redação Fonte: https://terrabrasilnoticias.com/
Crise de energia na China tem risco de apagão e pode gerar escassez de produtos globais

Uma crise de energia na China levou ao fechamento de algumas fábricas, indústrias e seus fornecedores para reduzir a produção e está ameaçando impactar a cadeia de abastecimento global.

Os consumidores globais enfrentam uma possível escassez de smartphones e outros bens antes do Natal, depois que cortes de energia para atender às metas oficiais de uso de energia forçaram as fábricas chinesas a fecharem e deixaram algumas famílias no escuro.

Enquanto a China tenta enfrentar seu maior problema de emissões e também lidar com o custo e o fornecimento de energia que grande parte do mundo está enfrentando , ela cortou o fornecimento de energia, especialmente em áreas industriais pesadas. O governo chinês desligou completamente a energia em alguns locais e parece que racionará energia significativamente em todo o país em um futuro próximo.

Na cidade de Liaoyang, no nordeste do país, 23 pessoas foram hospitalizadas com intoxicação por gás depois que a ventilação de uma fábrica de fundição de metal foi desligada após uma queda de energia, de acordo com a emissora estatal CCTV. Nenhuma morte foi relatada.As fábricas foram paralisadas para evitar ultrapassar os limites de uso de energia impostos por Pequim para promover a eficiência. Economistas e um grupo ambientalista dizem que os fabricantes esgotaram a cota deste ano mais rápido do que o planejado, já que a demanda de exportação se recuperou da pandemia do coronavírus.

com grandes fabricantes como Apple, Telsa, Intel e Qualcomm usando fornecedores no país, o medo de desacelerações significativas da indústria e impactos na cadeia de suprimentos está crescendo.

A Reuters relatou que vários fornecedores da Apple e da Telsa estão suspendendo a fabricação por alguns dias para se ajustar à crise de energia e atender às demandas do governo chinês sobre as emissões. A fornecedora da Apple, Unimicron Technology, por exemplo, está fechando três de suas subsidiárias na China até 30 de setembro, informou a Reuters.

A CNN informou que a Pegatron, que fabrica componentes para o iPhone da Apple e também os monta, está cooperando com as políticas de energia da China e reduzindo a produção. O fabricante está localizado no leste da China.

 

O relatório da CNN diz que, embora não se saiba ainda o quão duramente as cadeias de abastecimento serão atingidas por essas paralisações, elas serão, pelo menos, desaceleradas.

 

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Palmas - TO
Atualizado às 11h02 - Fonte: Climatempo
29°
Nuvens esparsas

Mín. 23° Máx. 31°

33° Sensação
13 km/h Vento
70% Umidade do ar
83% (10mm) Chance de chuva
Amanhã (26/10)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 23° Máx. 34°

Sol, pancadas de chuva e trovoadas.
Quarta (27/10)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 24° Máx. 36°

Sol, pancadas de chuva e trovoadas.